Considerada a terceira cachoeira mais alta do país, a Cachoeira do Tabuleiro tem 273 metros de queda e fica localizada no município de Conceição do Mato Dentro, em Minas Gerais. Suas trilhas, paisagens e a enorme queda de água impressionam o visitante, trazendo um contato enorme com a natureza e uma paz sem fim.

Por fazer parte da Serra do Espinhaço, o local é bastante preservado e atrai visitantes durante o ano todo. Suas trilhas são bem sinalizadas e a paisagem em volta rende excelentes fotos. Fique conosco nessa publicação e conheça um pouco mais desse paraíso em Minas Gerais.

Cachoeira do Tabuleiro em Conceição do Mato Dentro

Como chegar na Cachoeira do Tabuleiro

Estando bem mais próximo de Belo Horizonte do que qualquer outra capital, para chegar na Cachoeira do Tabuleiro você inicialmente deve trafegar até a cidade de Conceição do Mato Dentro, cerca de 200 km de Belo Horizonte.

As estradas são bem sinalizadas e o caminho todo é contemplado por excelentes vistas. Além disso, após chegar na cidade, você deve seguir rumo ao Parque Natural Municipal do Tabuleiro, localizado 2 km distante do distrito de Tabuleiro.

No mais, o lugar é bastante tranquilo e recomendamos ir com um carro alto, pois as estradas de terra podem atrapalhar um pouco alguns carros.

Vista da Cachoeira do Tabuleiro

Parque Natural Municipal do Tabuleiro

As trilhas para a Cachoeira do Tabuleiro acontecem dentro do Parque Natural Municipal do Tabuleiro. Para entrar no local é cobrado uma pequena taxa e seu funcionamento é das 8h às 17h. Vale lembrar que, dependendo das condições climáticas, o parque pode fechar, devido a perigos com quedas e fortes chuvas.

O parque conta com estacionamento e banheiro, sendo bem conservado o local. Vale a pena conhecer um pouco do local além da cachoeira, reconhecendo as grandes belezas da região.

Trilhas da Cachoeira do Tabuleiro

Para realizar a visita à Cachoeira do Tabuleiro, o turista tem a opção de escolher uma das suas 3 trilhas. Cada trilha leva para uma região da cachoeira, sendo bastante recomendada fazer as trilhas, para um conhecimento completo da região.

Lembramos que não é obrigatório o uso de guias na região, porém para maior segurança e conforto, um guia pode ser agendado e o passeio feito com maior tranquilidade.

Trilha do Mirante

A trilha mais tranquila das três, a Trilha do Mirante leva a uma excelente vista de longe da cachoeira, podendo observar sua queda e seu excelente formato de coração. Com a vista frontal da cachoeira e de sua queda, o local é excelente para fotos e observações.

O paredão ao fundo conta com quase 300 metros de altura e fica a uma distância de 1,2km d mirante. Essa trilha conta com um nível de dificuldade bem fácil, cerca de 700 metros de caminhada tranquila.

Conheça também a Cachoeira da Fumaça na Chapada Diamantina.

Trilha do Poço da Cachoeira

Uma trilha um pouco mais complicada, porém, de nível bem tranquilo ainda, a Trilha do Poço da Cachoeira proporciona uma vista linda da queda de água. Em meio a bastante natureza e muitas pedras, o lugar rende excelentes fotos.

A distância do percurso é de 3 km, sendo necessário descer uma grande escadaria de cerca de 700 degraus. A grande maioria do percurso é feito seguindo o leito do rio e com um solo bastante acidentado.

Trilha do Alto da Cachoeira

A trilha mais conhecida para a Cachoeira do Tabuleiro, conta com cerca de 8k de caminhada e uma enorme diversidade de paisagens. Com cerca de 2 horas e meia de caminhada, os trechos do percurso pelo alto do penhasco impressionam pela tamanha beleza.

Ao chegar ao topo da cachoeira, a vista é muito interessante e é possível ver o poço localizado a 273 metros abaixo. Vale lembrar que, é necessário ter muito cuidado ao tirar fotos e caminhar pelo topo, pois qualquer queda pode ser fatal.

Cachoeira do Tabuleiro e suas belezas

Por ser a cachoeira maior de Minas Gerais e a terceira maior do país, a Cachoeira do Tabuleiro consegue impressionar muito além de seu tamanho. Sua vegetação em volta, sua maravilhosa queda e sua natureza que a abraça, chama bastante a atenção do visitante.

Não é à toa que já foi considerada a cachoeira mais bonita do Brasil, estando cercada de belas paisagens na Serra do Espinhaço. Vale lembrar que, o lugar é bastante conservado e exige cuidados como proteção e controle de turistas.

Trilha para Cachoeira do Tabuleiro

Melhor época para ir à Cachoeira do Tabuleiro

A Cachoeira do Tabuleiro basicamente depende das chuvas para diferenciar em relação ao tempo. A época chuvosa faz o fluxo de água aumentar bastante, elevando o nível do rio e a quantidade de água no poço. Essa estação, geralmente, fica entre os meses de maio e setembro.

Já na época de secas, a água fica mais clara e a queda conta com um volume de água bem menor, muitas vezes fica disperso em meio ao tamanho de sua queda. A época de seca é bastante visada por conta do calor, trilhas com solos mais firmes e melhor possibilidades de fotos.

Onde se hospedar pela região da Cachoeira do Tabuleiro

Para quem quer passar um tempo na região e aproveitar a tranquilidade do local, existem diversas pousadas e campings pela região, principalmente na cidade de Conceição de Mato Dentro, sendo perfeitas para quem quer visitar a Cachoeira do Tabuleiro.

A seguir, deixaremos uma pequena lista de hospedagens:

  • Recanto do Beija-Flor
  • Sítio Vovô Joaquim
  • Pousada Tabuleiro Eco
  • Kayuá Pousada e Restaurante

Dicas gerais

Sempre leve consigo roupas confortáveis e tênis próprio para trilhas, pois não ter um equipamento adequado pode ser um problema em diversas situações. Além disso, recomendamos o uso de protetor solar e roupas de banho, visto que é possível tomar banho em pequenos poços em algumas trilhas.

E, sempre se lembre, cuide bem da natureza e preserve o local guardando todo o seu lixo gerado.


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *