Ilha da Gigóia na Barra da Tijuca: o que fazer nessa maravilha

A Ilha da Gigóia chama bastante atenção pela sua simplicidade e pelo enorme contato com a natureza. Localizada na Barra da Tijuca, bem próxima aos grandes centros urbanos, o lugar contrasta com uma enorme calmaria e tranquilidade.

Com uma certa infraestrutura e bons passeios, vale bastante a pena passar uma tarde no lugar e conhecer o máximo de atrações possíveis. Além disso, o acesso é bastante fácil e o preço muito em conta!

Nesse artigo, passaremos um guia completo da Ilha da Gigóia, envolvendo hospedagem, restaurantes e as principais atrações do local. Não perca a oportunidade de conhecer essa maravilha escondida na Barra da Tijuca!

Como chegar na Ilha da Gigóia?

Para chegar até a Ilha da Gigóia é necessário fazer a travessia com algum barco, que você pode encontrar no Píer, próximo ao Shopping Barra Point, na Barra da Tijuca. Para quem faz o uso do metrô, recomendamos descer na estação Jardim Oceânico, que fica bem próxima ao Píer.

Na opção de carro, aconselhamos deixar estacionado no próprio Shopping Barra Point. Já no Píer, você consegue realizar a travessia sem maiores problemas, falando com algum barqueiro.

O preço varia de 5 a 10 reais, dependendo da região da ilha que você irá descer. Em suma, o trajeto é bastante curto e demora poucos minutos. Vale a pena ficar ligado na linda vista da região!

O que fazer na Ilha da Gigóia

Por ser uma ilha bem pequena e recheada de detalhes, o turismo por aqui está mais envolvido com a natureza e com coisas simples. Em suma, ir em um bom restaurante, passear de barco e apreciar a excelente vista da região, são uma das melhores recomendações a se fazer.

Portanto, o local é bastante simples, bem pacato e diferente da correria de cidades do Rio de Janeiro. É ideal para quem gosta de relaxar, curtir uma boa pousada e desfrutar da cultura local. A seguir, falaremos um pouco sobre as principais atrações da Ilha da Gigóia.

Esportes aquáticos

Para aqueles que buscam relaxar e ao mesmo tempo aproveitar o contato com a natureza de maneira mais ativa, a Ilha da Gigóia também oferece diferentes opções. Junto com as demais ilhas do arquipélago, é possível utilizar a lagoa para remar, fazer passeios de jet-ski, flyboard, caiaque e até mesmo andar em uma bike aquática. Inclusive, mesmo que não tenha nenhum equipamento esportivo, você pode alugar em uma das pequenas ilhas vizinhas: a Ilha da Coroa. Depois, você ainda pode aproveitar para se deliciar em algum dos bares ou restaurantes do local. Continue lendo para saber nossas indicações.

Cineclube Gigóia

Uma atração bastante frequentada nos fins de semana na Ilha da Gigóia é o Cineclube Gigóia. Acima de tudo, no local é possível aproveitar sessões de cinema com filmes que seriam difíceis de encontrar no circuito comercial tradicional. Desde títulos voltados às crianças até filmes independentes, o cineclube é ideal para quem prefere atividades cult, promovendo diversão com preços acessíveis e ainda discussões sobre os filmes apresentados.

Itanhangá Golf Club

O Itanhangá Golf Club é um lugar que merece ser visitado, mesmo que você não saiba jogar golf. Isso porque, essa área reúne algumas das melhores paisagens e vida natural da ilha. Inclusive, é muito comum avistar aves e outros animais nas redondezas, assim como belas e grandes árvores que rodeiam o campo de golf.

Porto de Luz

Localizada na Ilha da Pesquisa, bem ao lado da Ilha da Gigóia, a cada Porto de Luz é uma atração a parte na região. Portanto, com um foco bastante voltado para o autoconhecimento e pro relaxamento, o espaço é muito visitante por amantes de yoga e apreciadores da meditação.

Dentro dela são oferecidos diversos serviços, como leituras, meditações, etc.

Passeio de barco na Ilha da Gigóia

Sem dúvidas, uma das melhores atrações e que encantam os turistas são os passeios de barco. Para fazer o passeio pela Ilha da Gigóia, é necessário fechar diretamente com o barqueiro e você pode combinar com qualquer um dos que estiverem no local. O valor fica na faixa de R$20,00 por pessoa, mas vale lembrar que é possível negociar.

O passeio não é muito longo e por isso não é cansativo, navegando entre as ilhas da Barra da Tijuca que reserva cenários extremamente bonitos e interessantes. Nesse circuito é possível avistar várias espécies de aves, jacarés, garças e até mesmo capivaras. Inclusive, ele também passa pelo Itanhangá Golf Clube, onde é possível descer para tirar algumas fotos.

Passeio de barco na Ilha da Gigóia

Ilhas próximas na Barra da Tijuca

A Ilha da Gigóia faz parte de uma região recheada de ilhas na Barra da Tijuca, com 8 para ser mais exato. Algumas dessas ilhas também recebem turistas, porém em menor quantidade.

A maior parte da visitação acontece na Ilha da Gigóia, onde também existe a maior infraestrutura. Além disso, algumas dessas ilhas não contém construções ou algo do tipo, servem apenas como apoio para pesca e pesquisa.

Para quem gosta de aventura, vale a pena contratar um barco e conhecer a região, principalmente as ilhas com construções antigas e um cerco grau de misticidade.

Conheça também a Praia do Sono em Trindade, no Rio de Janeiro.

Onde comer na Ilha da Gigóia

Ainda que a Ilha da Gigóia seja um pedacinho escondido no Rio de Janeiro, ela recebe muitos visitantes e os restaurantes costumam ficar bem cheios. Justamente por isso, o recomendando é fazer uma reserva antes, principalmente se decidir visitar o lugar em finais de semana. A boa notícia é que a Ilha conta com diversas opções de bares e restaurantes, seja para petiscar ou comer um bom hambúrguer, mas vale ressaltar que o carro chefe são as opções com frutos do mar. Confira abaixo algumas alternativas:

Restaurantes na Ilha da Gigóia

P21 Ilha da Gigóia

Esse é o mais novo e badalado point da Ilha. Ele ficou famoso por ter um balanço decorado com flores e vista para a Pedra da Gávea e para a ponte estaiada. Acima de tudo, no cardápio do restaurante é possível encontrar as opções mais variadas, desde carnes, frutos do mar, petiscos, pratos feitos, além de uma grande variedade de drinks. Para chegar até aqui é necessário informar ao barqueiro no momento do embarque e não há como chegar a pé pela travessia tradicional até a ilha.

SpotLab RJ

Em um único espaço o SpotLab RJ reúne bar, música, esporte, cultura e muita comida boa. O local é tratado como um tipo de projeto experimental, que conta com o apoio do skatista Bob Burnquist, que mora na ilha. É comum ter apresentações musicais no bar, incluindo DJs, além de uma pista de skate para os clientes.

Gigóia Bistrô

Famoso por seus hambúrgueres artesanais, que combinam muito bem com as cervejas geladas dali, o Gigóia Bistrô conta com atendimento totalmente personalizado. Esse é um dos principais motivos que o tornam um restaurante de sucesso entre os turistas.

Bar Caiçara

Esse bar é referência e um dos mais frequentados da Ilha da Gigóia, localizado na orla da Ilha e com uma bela vista para a Lagoa da Tijuca. Ele oferece diversos shows, atrações musicais ao vivo e muita diversão, sendo um ponto de encontro para todos os visitantes. Vale lembrar que ele possui alguns dos melhores petiscos da Ilha e o pôr-do-sol é maravilhoso visto dali.

Bar do Cícero

O Bar do Cícero não fica na Ilha da Gigóia propriamente dita, mas sim na Ilha Primeira, logo em frente e a apenas 1 minuto de barco. Quando falamos em frutos do mar esse bar é o melhor custo benefício da Ilha. Ainda que tenha uma decoração simples, ele é muito famoso por seus pastéis incríveis. Além disso, costuma ficar bem cheio nos finais de semana e por isso o ideal é que você chegue cedo se quiser pegar uma mesa com vista para a lagoa.

Onde se hospedar na Ilha da Gigóia

Pernoitar ou passar o fim de semana na Ilha da Gigóia e por seus arredores pode ser uma experiência diferente, sendo que você pode encontrar pousadas confortáveis e excelente serviço turístico. Confira abaixo algumas opções para que possa escolher a ideal:

  • Beach House Ilha da Gigóia

Essa é uma boa opção para quem está viajando com a família ou amigos e quer economizar na hospedagem. Ainda que seja simples, o ambiente é bastante confortável, com serviço acolhedor e bela vista. Ele oferece opções de quartos privativos e dormitórios e suítes compartilhado, assim como café da manhã gratuito.

  • Casanova Residence

Para quem prefere ficar na Barra da Tijuca, o Casanova Residence é um hotel com fácil acesso à Ilha da Gigóia, pois fica ao lado do metrô Jardim Oceânico. Ele conta com serviço de quarto, bar e quartos até mesmo para famílias com vista para a lagoa. Também oferece lounge de uso comum, instalações para esportes aquáticos e aluguel de bicicletas.

  • Pousada da Gigóia

Com piscina ao ar livre, ela oferece quartos bem-iluminados, com Wi-Fi, assim como lavanderia e balcão de turismo. Todos os dias você pode usufruir do buffet de café da manhã que conta com variedade de frutas frescas, pães, frios e uma seleção de bebidas.

Informações Complementares sobre a Ilha da Gigóia

Para quem não conhece o lugar e está planejando visitar, a Ilha da Gigóia no Rio de Janeiro é considerada bastante segura, em vista das cidades ao redor. Seu acesso é feito apenas por barcos, sendo assim, não é possível chegar com carros ou motos até o local.

Passeios na Ilha da Gigóia

Por sem bastante tranquila e turística, é muita calma e ideal para alguns dias de férias. Em relação a infraestrutura, a ilha comporta muito bem o turista e consegue atender todas as suas necessidades.

Sobre os barcos para o transporte, você consegue acessa-los durante todo o dia, pois existem barqueiros que trabalham apenas com isso e, além disso, o trajeto é bastante curto. Em suma, conhecer a Ilha da Gigóia é uma experiência bastante satisfatória e encantadora, proporcionando muito contato com a natureza e com uma população bastante receptiva. Os preços são considerados bem agradáveis e a sensação de tranquila está por todo canto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *