Lagoa do Japonês no Tocantins: como chegar, dicas e diversão

Um paraíso no Tocantins, a Lagoa do Japonês atraí turistas do Brasil todo e impressiona no tamanho da beleza. Com uma água muito transparente e esverdeada, por exemplo, o local é muito calmo e de fácil acesso para aqueles que não sabem nadar.

Então, você pode acessar a lagoa por dois caminhos e os guias levam você em um passeio com um pequeno barquinho até o meio da lagoa. O deck do local é sensacional.

A Lagoa do Japonês contém uma linda gruta que você consegue caminhar por dentro dela, porém com a presença de membros do lugar. Ou seja, vale muito a pena a visita, fique conosco para conhecer e saber sobre as belezas desse local.

O que fazer na Lagoa do Japonês
Lagoa do japonês: deck

Como chegar na Lagoa do Japonês

Em suma, para chegar até a Lagoa do Japonês no Tocantins o trajeto não é tão simples. O aeroporto mais próximo é o da capital Palmas. Distante 245 km do local, a estrada para a cidade mais próxima da Lagoa do Japonês, Pindorama, é de terra na sua grande maioria e bastante esburacada, por exemplo.

Da cidade de Pindorama para a Lagoa do Japonês a distância é de 34 km de estrada de terra. Vale lembrar que, caso for alugar um carro, alugue um com tração nas quatro rodas, pois em dias chuvosos o local tem grandes complicações.

O trajeto até a Lagoa do Japonês envolve muita natureza e boas opções para fotos. Da mesma forma, durante o percurso, é bastante comum observar turistas conhecendo estradas pela região, conhecendo um pouco da cultura local e fazendo tudo no seu tempo.

Caso não goste de dirigir ou prefira ir com guias, existem diversas opções na cidade de Palmas, por exemplo.

Como ir com agência?

Para quem prefere ir com agência até a lagoa é necessário entrar em contato com ela em Palmas. Geralmente, as agências fazem bate e volta com guias credenciados e capacitados para um excelente passeio.

Por exemplo, os carros são bem equipados e raramente dão problemas. As maiorias das empresas são as mesmas que levam os turistas até o Jalapão.

Diversas agências exploram mais a região, levando o turista para mais lugares próximos.

  • Agência Nortetur.

Como ir por conta própria?

Para quem gosta de aventura, ir sozinho ou com amigos para esse paraíso, basta alugar um carro em Palmas e seguir viagem.

Portanto, vale a pena alugar um carro com tração e saber todo o caminho. Com o carro próprio você tem uma maior liberdade e pode realizar tudo no seu tempo, por exemplo.

Além disso, você pode conhecer toda a região e estender o passeio além da Lagoa do Japonês.

  • Movida: aluguel de carros.

Melhor época para ir até a Lagoa do Japonês

Essa é uma questão bastante relativa pois basicamente dependemos do tempo da região. Para quem gosta de mais tranquilidade e paz, recomendamos evitar feriados e épocas de férias, pois o volume de pessoa aumenta bastante.

Quando ir para a Lagoa do Japonês
Belezas da Lagoa do Japonês

Lembre-se que apenas 150 pessoas podem entrar por vez na lagoa.

O melhor período para visitar é o período de seca, no qual a cor da água fica bastante preservada. No período chuvoso a água pode escurecer e além disso, as estradas ficam bastante problemáticas.

Destacamos que, a região de Tocantins é bastante quente e com um sol bastante forte. Para quem pretende passar o dia ou uma tarde na lagoa, recomendamos o uso de protetor solar, chapéus e realizar uma boa hidratação, a fim de evitar problemas.

Organize sua viagem para que nada saia fora do esperado!

Lagoa do Japonês
Mergulho na Lagoa do Japonês

Saiba tudo também sobre a Praia do Francês em Maceió.

Mergulho na Lagoa do Japonês

Uma das melhores coisas para se fazer na Lagoa do Japonês. Através do mergulho, você verá uma grande variedade de peixes, e as belezas do fundo da lagoa.

Alguns peixes ficam beliscando seu pé, mas não precisa ter medo, é super normal. Há a disponibilidade de coletes salva vidas e boias para quem não sabe nadar.

Vale a pena lembrar que, é bom evitar o uso de cremes durante a entrada na lagoa, evitando assim a contaminação da água e a morte dos peixes.

Para quem tem máscaras de mergulho é recomendado levar para aproveitar ainda mais o local. As fotos por baixo da água ficam sensacionais e sempre estão presentes no passeio.

Lagoa do Japonês
Lagoa do Japonês

Hospedagem na Lagoa do Japonês

Para quem gosta de se hospedar nesse paraíso que é a Lagoa do Japonês, a melhor opção é um camping no local. O local é de graça, mas não tem muita infraestrutura.

Basta levar sua barraca e aproveitar para passar uma noite ali.

Vale lembrar que, é necessário levar sua própria alimentação pois não há disponível no local.

Hospedagem próximo a Lagoa do Japonês

A cidade de Pindorama, onde fica localizada a Lagoa do Japonês, é bem pequena e suas opções de hospedagens são escassas. Então, para quem deseja um maior conforto e um maior leque de opções, é melhor se deslocar a cidade de Ponte Alta do Tocantins, que fica cerca de 23 km de distância.

Os hotéis e pousadas na região são simples e alguns incluem café da manhã. Outro fator importante e positivo, é em relação ao preço.

Em outras palavras, os preços são bem em conta e vale a pena conhecer um pouco da cultura local. Abaixo, deixaremos uma lista de opções de hospedagem na cidade de Ponte Alta do Tocantins, próximo a Lagoa do Japonês.

  • Capim Dourado Ponte Alta;
  • Pousada Vereda das Águas;
  • Pousada Bicudo.

Infraestrutura na Lagoa do Japonês

O local é bastante simples, porém muito acolhedor. Para quem vai passar um dia, existe no local um restaurante com diversos pratos, lanches e bebidas. Tudo feito no fogão a lenha, muito gostoso!

Além do restaurante, existe também no local algumas mesas, banheiro para banho e para trocar de roupa, por exemplo. Em suma, para quem gosta de algo maior e com mais opções, no caminho para a Lagoa do Japonês, existem diversos restaurantes pela estrada, uma opção bastante válida é o Restaurante da Dona Minervina.

Uma atração bastante procurada também é a tirolesa do local, por exemplo, com aproximadamente 300 metros. Com uma linda vista de toda a região, vale muito a pena a diversão por apenas 30 reais.

Em relação ao mergulho na lagoa e a diversão nela, a equipe que trabalha no local disponibiliza, acima de tudo, uma série de equipamentos para o turista usar, como as sapatilhas, que são fundamentais devido muitas pedras no local.

Quais passeios fazer junto com a Lagoa do Japonês?

A região que fica localizada a Lagoa do Japonês é bastante ampla e repleta de lindas paisagens. Por exemplo, um passeio que o visitante pode realizar nos dias que estiver pela região, é conhecer as Serras Gerais, a região com maior cadeia de serra do Brasil.

O local contempla diversas cachoeiras, rios e guarda muita tradição de seus moradores. Ou seja, pode-se encontrar na região algumas tribos indígenas, cavernas e muita cidades pequenas que proporcionam uma tranquilidade enorme.

Sempre que for conhecer esses locais, saiba que estará entrando em contato com um povo simples e, muitas vezes, humilde, portanto, deve ser bem tratado e com a máxima educação possível.

Outro fato importante é que, quando os passeios forem mais longos e durarem o dia todo, leve com você um compartimento para guardar seu lixo, ou seja, preservando a região e seus moradores.

Informações Adicionais

Agora, listaremos algumas informações importantes do local. Por estar em uma propriedade particular, é cobrado uma taxa de 30 reais de visitação.

Como o local fica bem afastado, o uso do celular é bastante raro, logo você ficará sem internet. Além disso, existem algumas proibições para entrar na Lagoa do Japonês.

É proibido a entrada com caixas de som, animais domésticos e o horário de funcionamento vai das 08h até às 18h.

Quanto custa ir para a Lagoa do Japonês?

O preço para visitar a Lagoa do Japonês varia bastante, acima de tudo, dependendo de como você vai chegar até o local, em caso de ir com agências, o preço é mais caro. Para quem vai com carro próprio ou alugado, paga-se apenas o preço da entrada no local, cerca de 30 reais.

Onde fica a Lagoa do Japonês?

A Lagoa do Japonês fica localizada no Tocantins, na cidade de Pindorama. Para chegar até o local, é necessário trafegar por uma estrada de terra, cerca de 35 km. A estrada até o local é precária e você pode necessitar de um carro 4×4.

Existe hospedagem na Lagoa do Japonês?

Sim, existe um local de hospedagem dentro da Lagoa do Japonês, um camping que não é cobrado taxa extra. Para quem gosta de aventura e não liga para luxo, vale a pena.

Qual a melhor época para visitar a Lagoa do Japonês?

A melhor época para visitar a Lagoa do Japonês é na época da seca, onde você vai encontrar a água do local bem limpa. Vale destacar que, recomendamos evitar época de férias e feriados, pois o local fica lotado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *